segunda-feira, 1 de março de 2010

E se eu te odiar?

Quem disse que a cabeça e o coração não estão ligados se enganou feio. Quer esquecer alguém? Passe dias, talvez até meses tentando pensar somente nos defeitos dele. Lembre como às vezes aquela risada é irritante, a falta de bom senso dele em alguns lugares é vergonhoso, pense com força como seria melhor um garoto mais alto, mais forte e mais bonito. Imagine ele somente com os defeitos, com aquele jeito criança idiota, com as brincadeiras bobas, com tudo aquilo que faz o seu sangue ferver de ódio.
Aperte o seu melhor amigo, em alguns casos o seu travesseiro, e lembre daquele momento que ele mais te irritou, seu sangue vai ferver e seu coração implorará por outra lembrança, mas não ceda, continue pensando. Pense cada vez com mais detalhes, nunca tome culpa, deixe toda nele.
A melhor solução é você anotar, anote em um papel com canetas coloridas todos os defeitos dele, tudo que ele fez pra te machucar e repita em voz alta, com o passar do tempo isso será tudo que você conseguirá lembrar. Quando isso acontecer você terá trocado o amor pelo ódio, porém saiba, na maioria das vezes o ódio machuca muito mais que o amor.

Um comentário:

Regina Zanette disse...

Fiquei boquiaberta com seu texto. Maravilhoso, parabéns.